Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Há horas assim

Livro em construção

Livro em construção

Há horas assim

02
Out19

Nem 8 nem 80

correspondente

Há dias encomendei online, um brinquedo, uma boneca de pano, ou de trapos, não para oferecer a uma criança, mas para uma senhora de idade avançada, a minha mãe e, quanto à entrega fiquei um pouco desiludido, não que tenha algo corrido mal, mas talvez por estar habituado, neste tipo de entregas, a horários mais curtos, mais específicos e não apenas a informação de que seria entregue no dia X e mais nada, o que realmente aconteceu, aí pelas 19 horas, logo, por acaso tinha disponibilidade, mas resultou em um dia inteiro à espera de uma boneca!

Então este episódio fez-me lembrar outro, outra entrega, com outra empresa desta área, de entregas ou distribuição, que em contrapartida, de modo eficiente e antecipado, aí com dois a três dias do dia previsto para a entrega, passe o exagero, me foi enviando, via e-mail, SMS, sinais de fumo etc., avisos e informação, cada vez mais pormenorizada, quase milimétrica quanto ao dia, à hora, ao minuto e ao segundo, acerca da previsão do momento dessa entrega. A coisa foi de tal forma que na hora, no minuto, no segundo, previstos, eu estava “ansiosíssimo” por essa entrega. Mas passou-se esse segundo, esse minuto, meia hora, da hora prevista e nada. Estranho. De repente, ou no e-mail, ou via SMS, cai a seguinte mensagem: “Passámos na morada indicada mas não se encontrava em casa para receber a encomenda e …”.

Não sei se o balão, o que foi enchendo, enchendo, com a multiplicação de tantos avisos, o balão de pura ansiedade para que a entrega se concretizasse rapidamente e pronto, se esvaziou num ápice, ou se explodiu de vez com aquela cretinice, alegarem que não estava em casa, quando há muito que eu já tinha quase estendida uma passadeira vermelha para tal ocasião, mas depois de tudo esclarecido, azar dos azares, de facto, a campainha da porta da rua, que provavelmente, até perto da hora, do minuto, do segundo, previstos para a entrega, estava a funcionar, mas por capricho, nesse preciso momento, resolveu não funcionar, não tocou, depois disso, aí passada uma meia hora, só para chatear, voltou a funcionar sem qualquer necessidade de algum tipo de reparação. Há horas, minutos, segundos, assim!

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub